Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

terça-feira, 5 de novembro de 2013

Pele: a diferença entre Adstringente e Tônico facial


É sempre bom saber a diferença entre produtos, procurar suas reais funcionalidades. Eu tenho muitas curiosidades sobre vários produtos. Hoje vim falar de dois deles: o adstringente e o tônico facial.
O ativo adstringente tem a função de fazer aquela limpeza mais profunda no poro, retirar qualquer vestígio de oleosidade que pode ter resistido à limpeza normal. Eles tem a função de diminuir a oleosidade da pele.
O tônico é um cuidado com a pele.Normalmente utilizado após a limpeza. Significa ressaltar, deixar a pele mais viçosa.
Tonificar é um ato, uma ação. O produto tônico contém vários ativos que, juntos, vão propiciar uma mudança visível na aparência da pele.
Os tônicos costumam ser divididos em:
Tônico hidratante – pele normal e seca
Tônico adstringente – pele mista ou oleosa
A função do tônico é reestabelecer o ph equilibrado na pele, eliminar possíveis toxinas, melhorar a micro-circulação na superfície cutânea, suavizar, acalmar e refrescar a pele. 
(Fonte: trendy twins)
Segundo a Revista Marie Clarie a diferença entre Tônico e Adstringente é:
Os dois tipos de produto têm basicamente a mesma função: uma limpeza mais profunda. A diferença é que os adstringentes são mais agressivos. O tônico é formulado com água, um ativo adstringente leve (como o extrato de hamamélis) e um calmante (azuleno). Pode também conter álcool e baixas doses de ácido glicólico ou salicílico, que retiram as células mortas. É bem aceito por qualquer tipo de pele. O adstringente é formulado de maneira bastante parecida, mas contém maiores concentrações de álcool e de ácido salicílico. É excelente para desengordurar peles oleosas e mistas.

Mais informações:
Tenho medo de usar esses produtos e ficar com a pele ressecada. Existe esse risco? 
Não, desde que seja usado o tipo de produto certo para cada pele: adstringentes para peles oleosas e mistas, tônicos para todos os tipos. Se uma pessoa com pele seca usar um produto adstringente, pode, sim, ficar com a pele ressecada.
Com que frequência esses produtos devem ser usados? 
Todos os dias, duas vezes por dia. O correto é aplicar um limpador, depois o tônico ou adstringente, e por último um hidratante ou creme antiidade
Dicas para escolher seu produto
Diferentes tipos de pele exigem diferentes tipos de produtos. Sempre fique de olho na indicação. O mesmo produto pode ter opções diferenciadas para peles normais, mistas, oleosas e secas.
Se sua pele for mista ou oleosa, não use produtos para pele seca. É oleosidade aumentada na certa!
Não abuse de produtos adstringentes fortes, com muito álcool na fórmula. É um mito achar que quanto “mais ardido”, melhor para pele com acne. Não é. Pode inclusive gerar efeito rebote, que é o que acontece quando a pele produz mais oleosidade para se proteger depois de uma limpeza agressiva.
De olho no truque
Precisa ficar linda e não tem um tônico à mão?
Anota aí: lave bem o rosto e passe um cubo de gelo sobre a pele. Os poros vão ficar fechadinhos e prontos para receber aquela maquiagem de arrasar! Mas esse é um artifício pra usar de vez em quando, porque ele não trata a pele de verdade, só a deixa bonita por um tempo.




Postar um comentário